Gold Clock

domingo, 30 de setembro de 2012

VOLTA POR FAVOR


  1. - VOLTA POR FAVOR


    JADSON QUEIROZ


    VÊ AMOR, A CHUVA
    QUE LÁ FORA CAI,
    SÃO COMO LÁGRIMAS
    QUE ROLAM NO ROSTO,
    SENTINDO A FALTA QUE
    VOCÊ ME FAZ.
    VÊ AMOR, ESTOU SOZINHO
    NESTE QUARTO AGORA,
    PENSANDO AONDE ESTARÁS,
    COM COM QUEM ESTARÁS NESTA HORA.
    ROLO NA CAMA,
    SEM CONSEGUIR DORMIR.
    ABRAÇO O TRAVESSEIRO,
    PENSANDO TE ABRAÇAR.
    SINTO O TEU CHEIRO
    PROCURO-TE, E NÃO TE ACHO.
    VOU ENLOQUECER...
    VEM AMOR,
    OS MEUS BRAÇOS TE ESPERAM.
    VOLTA POR FAVOR...
    PARA O LUGAR, QUE
    AINDA É TEU.
    VEM MATAR A MINHA SÊDE,
    DE AMAR-TE, ATÉ MORRER!!

quarta-feira, 26 de setembro de 2012

UM POEMA PARA EMMA




                                -  UM POEMA PARA EMMA -

                                                                                                         JADSON QUEIROZ,
QUE SAUDADE EU SINTO
QUANDO ESTOU SOZINHO.
VOLTO AO PASSADO, E LEMBRO-ME DE TI.
SINTO QUE O NOSSO AMOR,
NÃO  VAI MORRER JAMAIS.
EMMA, EMMA, MINHA VIDA...
VIAJEI POR MARES DISTANTES
E TE ENCONTREI BEM LONGE...
TE AMEI IMENSAMENTE,
ME AMASTES ATÉ A MORTE TE LEVAR.
VIESTE COMIGO, PARA VIVERMOS
UM GRANDE E ETERNO AMOR.
MAS UMA DOENÇA CRUEL E  ESTRANHA,
ACABOU COM AS NOSSAS ESPERANÇAS.
NO TEU LEITO DE DOR,
ESTAVAS SERENA, PÁLIDA E,
MUITO TRISTE.
UMA NOITE FRIA E ESTRELADA,
PARTISTES, FALANDO E,
COM A VOZ SUMIDA,
E DIZENDO-ME- VICTOR..., ADEUS...
E NÃO CHORES, POR FAVOR...
AS LÁGRIMAS CORRIAM, 
PELA  MINHA FACE E,
O DESESPERO, TOMAVA CONTA DE MIM!!
ABRACEI-A BEM FORTE,
E ELA DISSE-ME BAIXINHO, 
MURMURANDO AO MEU OUVIDO...
-ADEUS MEU AMADO VICTOR.
 QUERO FICAR AQUI, PERTINHO
 DE VOCÊ, SENTINDO O MURMURAR DO VENTO,
 O CANTO AO AMANHECER, DOS PASSARINHOS...
 À SOMBRA DESSE CASARÃO,
 QUE NOS ABRIGOU E FOI TESTEMUNHA,
 DO NOSSO AMOR, QUE VIVEU TÃO POUCO TEMPO,
 MAS  SERÁ ETERNO...
 QUERO FICAR AQUI, NESTE VALE,
 QUE APRENDI A AMAR...
 ADEUS, AMADO VICTOR...TE AMO...TE ADORO...
CHORANDO DEBRUÇADO SOBRE AQUELE CORPO,
AGORA, INERTE, QUE TANTO AMOR HAVIA 
PARTILHADO COMIGO.
NÃO IREI TE ESQUECER, QUERIDA EMMA...
FAREI O TEU JAZIGO, AQUI AO LADO,
ESTAREI PRESENTE TODOS OS DIAS,
LEMBRANDO DESSE AMOR,
QUE O DESTINO, CRUELMENTE SEPAROU!
AQUI FICARÁS, PARA QUE A HISTÓRIA, FALE DE TI,
COMO UMA GRANDE MULHER, QUE ENQUANTO VIVA,
VIVEU UM GRANDE AMOR!!!
ADEUS, QUERIDA EMMA!!! ATÉ O DIA,
EM  QUE POSSAMOS VIVER JUNTOS,
ETERNAMENTE!!!!!!!