Gold Clock

quarta-feira, 24 de julho de 2013

42 ANOS DE RELACIONAMENTO

QUER VIVER UM  AMOR INCONDICIONAL, AME TODOS OS DIAS, COMO SE FOSSE A PRIMEIRA VEZ.

                                                                          Jadson Queiroz Alves


Encosta-se bem em mim, não falaremos, não precisamos mais dizer nada um ao outro. Quietos, podemos reviver, de mãos dadas, as acrobacias que fizemos sem saber que éramos trapezistas.
Só queremos estar juntos mais uma vez e deixar a noite chegar no contentamento da tarefa cumprida.

“Há, entre nós ambos,
Demasiada emoção.
Tal é o motivo
do que tem havido!
Toma um bocado de argila,
Molha-a, amolda-a,
E faze uma imagem minha
E uma imagem tua.
Toma-as então, rompe-as
e adiciona-lhes um pouco d’água.
Transforma-as de novo
em uma imagem tua
e uma minha.
E então haverá na minha argila alguma coisa tua
e na tua argila alguma coisa minha.
E jamais coisa alguma nos há de separar.
Vivos, dormiremos na mesma cama
e, mortos na mesma sepultura.”
 Copiado  do Texto " AO ENTARDECER",  da escritora, VANA COMSSOLI.

terça-feira, 2 de julho de 2013

EU E MAIS NINGUÉM

Eu e mais ninguém

Madrugada. Ninguém na rua. Só eu,
Pensando em versos, caminho em paz.
O céu está limpo. Como um camafeu
Preso, a Máquina Pneumática jaz.

Ter constelações e não ser capaz
De amar, de lembrar o que se perdeu
E infinitamente querer mais
Do que a emoção que essa noite me deu.

Ser poeta, equívoco da criação,
Caminhar à noite como um zumbi,
Sozinho ser mais que uma multidão.

Ah! uma dor assim eu nunca vi...
Dói e essa lágrima que vem de fora

É toda a beleza que garoa agora!

Antonio Thadeu Wojciechowski